A assinatura da Ordem de Serviço aconteceu domingo, no Recanto Dom Bosco, da Comunidade Católica Emanuel

Obras de pavimentação da Estrada do Campo começam esta semana

Está programado para esta semana o início das obras de pavimentação de aproximadamente três quilômetros da Estrada do Campo, no trecho que vai do acesso ao Distrito de Sumaré até o Recanto Dom Bosco, de propriedade da Comunidade Católica Emanuel.
A assinatura da Ordem de Serviço que autorizou o início das obras aconteceu domingo, durante uma missa celebrada no Recanto, que foi acompanhada por lideranças estaduais e locais, além dos moradores daquela região rural.
“Esta era uma reivindicação antiga e, mesmo com o momento econômico delicado, o município está participando para a viabilização dos serviços, porque consideramos a importância social e de facilidade de logística para as empresas localizadas nesta área, os pequenos produtores, e também a Comunidade Católica Emanuel, que realiza um brilhante trabalho de cunho de recuperação social”, destacou o prefeito Rogério Lorenzetti.
De acordo com os projetos, os investimentos na obra de pavimentação da Estrada do Campo ultrapassam R$ 1,9 milhão, sendo pouco mais de R$ 96 mil de contrapartida do município e os outros R$ 1,8 milhão em recursos do Governo do Estado a fundo perdido. As obras serão executadas graças a um convênio entre o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Infraestrutura e Logística, e o município de Paranavaí. A empresa executora é a GB Fernandes.
BLOCOS SEXTAVADOS – A pavimentação do trecho será feita com blocos sextavados intertravados e guias de concreto pré-moldadas.
“O projeto prevê a execução de 18 mil m2 de pavimentação com os blocos. É um tipo diferenciado de pavimentação, semelhante aos que se veem em regiões de praia, por exemplo. Os blocos formarão uma camada impermeável e são confeccionados em formato geométrico uniforme, para trabalharem com um encaixe entre sim. São blocos de 30 centímetros de comprimento e 8 centímetros de altura. Além disso, todo trecho terá guias pré-moldadas, que serão assentadas nas laterais da estrada, servindo como contenção”, explicou o engenheiro de pavimentação da Sedur (Secretaria de Desenvolvimento Urbano), Carlos Alberto Shoji.
A Secretaria de Agricultura (Seagri) do município já antecipou parte do trabalho de adequação da Estrada do Campo para receber a pavimentação com os blocos sextavados.
“Nossas equipes já fizeram a abertura e limpeza de caixas de contenção de água e o levantamento do leito naquele trecho. Já investimentos aproximadamente R$ 35 mil nestes serviços antecipados”, frisou o secretário de Agricultura, Osmar Wessler.

Fonte: Jornal Diário do Noroeste

1

COMPARTILHE ESTA MATÉRIA

Deixar Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Itens necessarios estão marcados *

*