Como utilizar a tecnologia para empreender na pandemia?

Durante a pandemia, muitas pessoas precisaram se reinventar para manter a renda nesse momento difícil em que o país está passando. De casa, diversos profissionais resolveram tirar ideias do papel e empreender e muitos foram os negócios que surgiram com a ajuda da tecnologia, desde alimentação, vendas, tecnologia em RH, advocacia, esportes, educação e muitos outros.

Você já pensou em utilizar esse momento para empreender e olhar mais para a tecnologia e oportunidades? Reunimos algumas dicas importantes para que seu negócio decole, confira!

Pesquise o mercado

Antes de fazer qualquer investimento é preciso entender onde pretende atuar. Estudar o mercado é essencial para minimizar riscos e compreender onde seu negócio pode atuar.

Faça pesquisas sobre as empresas da mesma área que deseja empreender, entenda os possíveis clientes e perfil de público, trace um orçamento do que deve ser investido, quanto deve ser a precificação do seu produto/serviço e pense sobre possíveis lucros ou perdas iniciais.

Entender o que será seu negócio e sua razão de existência é o primeiro passo para que o empreendimento se torne real.

Se planeje

Independente se um negócio é online, físico ou de duas formas, o planejamento é essencial para o funcionamento. Não basta dizer “vou abrir um delivery de doces amanhã”, por exemplo, é preciso pensar estrategicamente para que seu empreendimento não acabe antes do esperado.

Utilize as informações da pesquisa de mercado, pense em seus objetivos, revise orçamentos, desenhe problemas e oportunidades, crie a sua persona, estruture estratégias de ataque no mercado e tenha um plano estabelecido de negócio.

Mesmo que seja simples, nenhum negócio deve começar sem planejamento, afinal, ele é o que vai te guiar para seus passos futuros.

Produza conteúdo

Para vender é preciso ser visto, portanto, é necessário produzir conteúdo para atingir suas pessoas. Se as pessoas já estavam presentes fortemente nas redes e fazendo compras online, com a pandemia, isso cresceu ainda mais, por isso, é preciso estar onde seu público está.

Aproveite a onda tecnológica, canais e redes e estruture sua comunicação e atendimento e ofereça tópicos relevantes que se destaquem no mercado e façam com que as pessoas se interessem pelo seu negócio.

Invista no e-commerce

Não dá para empreender com tecnologia sem vender online, não é mesmo? Em tempos como esse, é importante focar em vendas pelas redes para, no futuro, investir em seus locais físicos.

Utilize toda a força do digital e, mais do que redes para divulgar, tenha seu próprio canal de vendas online. Muitos negócios e empreendimentos cabem nesse setor e é essencial que você tenha sua loja virtual.

Com um e-commerce você pode trabalhar com estoque reduzido ou sob demanda, o que reduz custos iniciais e te ajuda a entender o que realmente faz sentido para seu público.

Atue no marketplace

Se o e-commerce não é uma opção para sua entrada no mundo do empreendimento, o marketplace pode ser uma ótima forma de divulgar seus produtos ou serviços.

O marketplace são plataformas que conectam ofertas a demandas de produtos ou serviços, ou seja, ela reúne diversos vendedores ou prestadores de serviços em um único ambiente virtual.

Empresas como Americanas, Magazine Luiza, Shoptime, Mercado Livre e OLX, por exemplo, são modelos como esse e são boas formas de começar, afinal, sua marca pode atingir os mais diferentes públicos.

Vale dizer que é preciso olhar para sua estratégia e objetivos antes de escolher e-commerce, marketplace ou estar em ambos, faz sentido?

Automatize os processos

Se você quer atuar de forma prática, rápida e tecnológica, é preciso automatizar o máximo de processos e ganhar com as facilidades do mundo online. É importante buscar por softwares que contemplem diversas ações como estoque, logística, contabilidade, cadastro de cliente, atendimento e marketing, por exemplo.

Mesmo que seu empreendimento comece pequeno e com poucas pessoas, se profissionalizar é preciso e é importante olhar para as mais diversas frentes de negócio que existem no mundo organizacional.

Utilizar ferramentas que retiram demandas repetitivas dos empreendedores e colaboradores é essencial para ser mais ágil e não cometer erros ou desperdícios.

Você já pensou em empreender nos últimos tempos? O que falta para que isso realmente aconteça? Aproveite nossas dicas, acompanhe tendências e tire suas ideias do papel!

Da redação;

Leave a Reply