Sede da Guarda Municipal já tem 80% das obras concluídas e deve ser inaugurada no próximo mês

Menos de três meses após a autorização do início das obras de reforma e adequação, a Sede da Guarda Municipal já está quase pronta, totalizando 80% do serviço previsto já executado. A localização é no terminal Rodoviário Aguilar Selhorst, e os investimentos são de aproximadamente R$ 170 mil com recursos próprios do município.

A obra tem prazo de nove meses, mas o gerente da empresa Rocha e Munarão Construções e Representações Ltda, Evandro Abner Pedrosa Govea, que havia dito querer entregar a obra em metade do prazo, está satisfeito com o andamento da obra. “Tudo está correndo como planejamos. Se não houver nenhum atrapalho, acredito que em 40 dias vamos finalizar tudo. Já investimos mais de R$ 60 mil, e agora estamos na fase das ferragens, que é uma parte demorada e cara, pois só de ferros são mais de $ 50 mil. Além disso, o local vai contar com uma sede administrativa, almoxarifado, sala de monitoramento, cozinha, recepção, e entre outras benfeitorias, por isso, queremos entregar antes do prazo, pois sabemos das necessidades”, disse Govea.

O secretário de Proteção à Vida, Patrimônio Público e Trânsito do município, Nivaldo Mazzin, ressaltou que a obra não favorece apenas os guardas. “Essa obra é de grande importância, não só para a Guarda Municipal, mas para as pessoas que frequentam e trabalham na rodoviária também. Desde que a Guarda foi instituída, a segurança aumentou muito e a população se sente mais confortável em transitar em seus arredores”, afirmou.

Outras necessidades a serem sanadas são os veículos que serão utilizados pelos guardas. Segundo o diretor da Guarda Municipal, Rogério Clemente, esta situação já está próxima de ser resolvida. “Recebi a ligação da concessionária responsável pelos carros ontem, afirmando que a entrega já está próxima. Eles estão em São Paulo sendo equipados conforme nossas necessidades, e segundo o diretor da concessionária, em julho teremos os carros à disposição. Quando as motos, a concessionária teve problemas com peças em todo o país, e isso explica o atrasado para entrega. A perspectiva é de que em 60 dias, teremos quatro motos em nosso pátio”, ressaltou Clemente.

Mais fotos:

gd_240516112925_obras_nova_sede_da_guarda_municipal_2_jpg gd_240516112926_obras_nova_sede_da_guarda_municipal_4_jpg gd_240516112926_obras_nova_sede_da_guarda_municipal_5_jpg

Fonte: Prefeitura de Paranavaí

aa

Deixar Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Itens necessarios estão marcados *

*