Foto: da esquerda para a direita: Edilson Avelar, Ivo Pierin Jr, Dante Ramos Jr., Romeu Bogoni, Mateus Hobold, Demerval Silvestre, Pres. da Amunpar Carlos Maia, representando as Estagiarias de Engenharia Yasmin Haack e o Eng. do Convênio Amunpar/Unifatecie João Arthur Casado.

PRESIDENTE DA AMUNPAR PREF. CARLOS MAIA ACATA SUGESTÃO DA SOCIEDADE CIVIL – PROJETO DA CURVA DA GRACIOSA – DUPLICAÇÃO DE TRECHO, TERCEIRAS FAIXAS E CICLOVIA DA PR 218

Coordenadores da SOCIPAR – Sociedade Civil de Paranavaí e Região Noroeste formalizaram pedido, dia 23, que foi acatado pelo Presidente da Amunpar José Carlos Maia, Pref. de São João do Caiuá de que fará os Projetos Sugestivos da PR 218 através do Convênio com o Curso de Engenharia da Unifatecie, tendo como coordenador o Eng.Civil João Arthur Casado, para a Duplicação do Trecho entre o Abatedouro e a GTFoods, o alargamento da Ponte, a feitura de Terceiras Faixas e Ciclovia na Pr 218 entre Paranavaí e o Distrito de Graciosa.  Devido ao crescimento do tráfego de veículos e o grande número de trabalhadores que circulam neste trecho e a Curva acentuada defronte ao Frangos Canção centenas de acidentes tem ocorrido no local, e famílias de Graciosa tem perdido entes queridos, o que é lamentável.  

Somente com a mobilização da comunidade, o envolvimento da Classe Politica já demonstrada e as entidades como a Socipar e a Maçonaria reivindicando é que pode ser modificado o quadro trágico de acidentes frequentes, razão disso, a SOCIPAR juntamente com a AMUNPAR e demais entidades apresentarão ao Governo do Estado o traçado que entendem mais adequado, paralelo esta sendo levantado as matrículas dos imóveis que poderão ceder pequena área para agilizar o processo bem como levantamento do quantitativo de riquezas que as Indústrias do entorno produzem e que favorecem a economia de Paranavaí e do Paraná, tudo para sensibilizar e convencer o DER e o Governador Ratinho Jr. para que aprovem os melhoramentos e poupar vidas.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa

Leave a Reply