Em recente visita ao Diário do Noroeste para divulgar o evento, o presidente da Comunidade Emanuel, padre Adão Dias Martins, antecipou que milhares de pessoas de toda a região são esperadas. Padre Adão Dias Martins, presidente da Comunidade Católica Emanuel. (Foto Diário do Noroeste)

Participante do Éffeta deve doar um quilo de alimento não perecível

Neste domingo será realizada em Paranavaí a 12ª edição do Éffeta (Abra-te para um novo tempo, Tempo de Renascer!). Os portões serão abertos no início da manhã e uma missa será celebrada às 9h, seguida de adoração ao Santíssimo (10h).
O evento religioso é promovido pela Comunidade Católica Emanuel (CCE). A entrada no Parque de Exposição, na BR-376, é gratuita, mas o participante deve doar um quilo de alimento não perecível.
No período da tarde, segue a programação, às 13h, com os 11 módulos apresentando temas diversos, bem como a participação de bandas e pregadores. O show de encerramento, a partir das 18h será com a Comunidade Colo de Deus. 
Antes da Colo de Deus se apresentarão Dago Soares, Gracielle, Gil Monteiro, Astromar, Sidnei Telles, Alex Chaves, Irmã Zélia e Operários da Messe. 
As camisetas e bonés do evento estão à venda em vários locais, dentre eles, a sede da Comunidade Católica Emanuel (Jardim Ipê, na frente da Paróquia Nossa Senhora Aparecida), Rádio Paranavaí e diversas empresas e pontos de toda a região.
ALMOÇO – A programação terá um intervalo no final da manhã para o tradicional almoço, às 12h. Os convites podem ser adquiridos a R$ 18,00 por pessoa. Além dessa refeição, haverá serviço de bar (com água, suco e refrigerantes) e cozinha o tempo todo. 
Em recente visita ao Diário do Noroeste para divulgar o evento, o presidente da Comunidade Emanuel, padre Adão Dias Martins, antecipou que milhares de pessoas de toda a região são esperadas para um dia inteiro dedicado à reflexão e ao encontro. 
Ele lembra que o Éffeta é um momento de reencontro das pessoas que durante todo o ano participam das atividades da Comunidade Emanuel. Em edições anteriores mais de 20 mil pessoas participaram, público aguardado também para a realização de 2018.
A Comunidade Católica Emanuel se destaca pelo trabalho de prevenção e combate às drogas, bem como pelo serviço pastoral. Durante a caminhada desde a fundação em março de 2005, mais de 1.000 pessoas foram atendidas na casa de recuperação de álcool e outras drogas.

Fonte: Diário do Noroeste

Deixar Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Itens necessarios estão marcados *

*