EMBRIAGUEZ AO VOLANTE / DESACATO / DESOBEDIÊNCIA / RESISTÊNCIA

Por volta das 20h07, durante patrulhamento pela Rua Amador Aguiar, a equipe de motos
da Guarda Municipal visualizou um indivíduo pilotando uma moto Honda vermelha em
forma de zig-zag. De imediato foi dada voz de parada com sinais sonoros e luminosos.
Foi dada voz de abordagem ao condutor na Rua Raul da Silva Torres, que não foi
acatada. O homem de 37 anos resistiu em colocar as mãos na cabeça e tentou dar fuga
com a moto. Questionado sobre o porque da atitude, ele relatou que os documentos da
motocicleta estavam atrasadas. O abordado apresentava sinais visíveis de embriaguez,
com olhos avermelhados, odor etílico, atitude arrogante e vestes desarrumadas. Foi
solicitado apoio da viatura 02 da Guarda Municipal para conduzir o abordado até a
Delegacia. Neste momento ele ficou agressivo e foi necessário fazer uso de algemas para
preservar sua integridade física e evitar uma tentativa de fuga. O homem então passou a
forçar os pulsos nas algemas para causar lesões e dizia que iria processar a equipe. No
momento da entrega na Delegacia, ele ainda passou a ameaçar um dos Guardas
Municipais, dizendo que sabia onde ele morava, qual era seu veículo, citando inclusive a
cor do carro. Foi pedido o apoio da equipe da Polícia Militar, que estava em atendimento
na Delegacia. A PM ofereceu, por várias vezes, o teste do etilômetro, mas o homem se
negou a fazê-lo. Foram realizadas as devidas notificações de trânsito, a CNH do condutor
foi retida, e a motocicleta foi entregue para outro condutor habilitado que foi retirar o
veículo na Delegacia, uma vez que a Guarda Municipal não tem pátio conveniado com o
Detran.

Fonte: Prefeitura de Paranavaí

Leave a Reply