Projeto vai articular ações para segurança no ambiente escolar no Paraná

A Secretaria de Estado da Educação (SEED) está elaborando um projeto para otimizar e integrar os trabalhos entre as instituições que atuam no ambiente escolar. A iniciativa pretende criar uma rede de ações voltadas à promoção da cultura de segurança em todas as 2,1 mil escolas da rede estadual.

Ao longo desta semana, ouvidores dos 32 Núcleos Regionais da Educação, equipe jurídica da secretaria e representantes do Batalhão de Patrulha Escolar Comunitária se reúnem em Curitiba para o primeiro encontro deste ano sobre o tema. Ao longo de 2017 estão previstas orientações, assessoramento com manuais, palestras e capacitação de diretores.

O projeto busca unificar as ações que já são desenvolvidas pelas equipes multidisciplinares dos Núcleos Regionais de Educação, Secretaria da Educação, Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária, por meio da Defesa Civil, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Civil, Ministério Público do Paraná, entre outros. “A segurança escolar não deve ser esperada somente da polícia, mas também das ações diárias da própria escola, comunidade e dos parceiros que desenvolvem vários projetos dentro e no entorno das escolas”, explicou a coordenadora da Ouvidoria da Secretaria da Educação, Margarete Maria Lemes.

“Ouvimos, orientamos, esclarecemos e, na medida do possível, solucionamos as demandas trazidas pela população. Também é função da Ouvidoria desenvolver alternativas preventivas, isso é muito importante”, lembrou Margarete.

METAS – A Ouvidoria da Secretaria de Estado da Educação também estabeleceu novas metas para acelerar os processos de atendimento à comunidade escolar, além de realizar formação de professores, diretores e funcionários para mediação de conflitos. Para isso foram definidos parâmetros que serão seguidos por todas as equipes de ouvidoria nos 32 Núcleos Regionais de Educação em todo o Paraná.

Entre as principais medidas estão a redução do tempo de tramitação dos processos para no máximo de 30 dias e a tramitação em 24 horas dos atendimentos entre a Ouvidoria da Secretaria da Educação, Núcleos de Educação e escolas, e com isso melhorar o atendimento prestado à comunidade. A Secretaria de Estado da Educação também vai ofertar às equipes das Ouvidorias dos NREs cursos de capacitação para mediação de conflitos.

 

Fonte: AEN

 

Deixar Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Itens necessarios estão marcados *

*