PROJETO PARA RECUPERAÇÃO DA PR-218 DEVE FICAR PRONTO EM DEZ DIAS

O projeto para as obras de recuperação da PR-218, entre Paranavaí e o Distrito de Graciosa, deverá ficar pronto em dez dias. A previsão é do superintendente regional do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), João Luiz Almeida. Somente após essa etapa será possível avaliar o valor a ser investido, abrir licitação e prazo para obra.
Almeida detalhou que todas as etapas vão depender do projeto. É ele quem vai determinar o volume da obra e, por consequência, prazos e valores. O superintende esteve em Paranavaí, visitou o local e também tratou de trabalhos emergenciais na área, que devem ser feitos pela Prefeitura.
O secretário de Infraestrutura, Eurípedes Lemes da Silva, disse ontem que o trabalho depende do cronograma a ser definido pelo DER, isso porque, segundo ele, não é possível fazer a contensão da água antes da obra de recuperação. As caixas e isolamentos de rede são soluções temporárias e com prazo, já que se trata de um volume grande de água.
Ontem à tarde, por exemplo, em consequência da chuva, uma grande quantidade de água desceu pela rede e caiu na voçoroca que interditou a rodovia. Isso provocou novo deslizamento de terra, aumentando a erosão que cortou a via, no Jardim São Jorge, saída para Graciosa.
HISTÓRICO – A PR-218 (km 360) foi interditada no dia 29 de dezembro último, depois que o asfalto cedeu por conta do volume de água. Desde então, a solução de passagem para quem se desloca entre Paranavaí e Graciosa é um desvio feito pelo Jardim São Jorge.
Aliás, quando da visita dos técnicos do DER, houve a informação de que uma solução definitiva só será possível com a canalização adequada da água da chuva proveniente das ruas do bairro que foram asfaltadas recentemente.

Fonte: Diario do Noroeste

IJD PROJETOS

Deixar Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Itens necessarios estão marcados *

*