POLÍCIAS CIVIL E MILITAR DESMANTELAM QUADRILHA DE ASSALTANTES DAS CIDADES DE NOVA LONDRINA E MARILENA

Em ação conjunta de repressão a roubos e furtos acontecidos no ano de 2016 nas cidades de Nova Londrina e Marilena, as polícias Civil e Militar da Comarca concentraram esforços pra prender todos os autores desses crimes. Além disso, também foi preso o possível autor de homicídio ocorrido no dia 1º de março de 2016, na cidade de Marilena.

O trabalho de inteligência se iniciou após a ocorrência de dois assaltos à mão armada na cidade de Marilena: um a um posto de gasolina e outro a um supermercado. No mesmo período, um posto de gasolina de Nova Londrina foi roubado com o mesmo modus operandi, e houve a tentativa de furto à uma loja de pesca. Munidos das informações, os policiais iniciaram o trabalho de inteligência que logo elucidou a autoria criminosa.

Dois dos assaltantes foram presos pela Polícia Militar no último domingo, em posse de duas armas de fogo. Ambos confessaram a autoria dos assaltos. Com a pessoa de Heberson (vulgo “MauMau” – do lado esquerdo da foto), que já detém diversas passagens pelos crimes de furto e roubo, também foi apreendido um revolver calibre .32 usado no assassinato de Davi Luiz (vulgo “Davizão”) no dia 1º de março de 2016. Mesmo com o fato de ter sido visto por diversas testemunhas “dando carona” para Davizão até o local onde foi assassinado, e ter sido preso com a arma usada no crime, ele nega ser o autor do homicídio. À pedido do Delegado de Polícia responsável pelas investigações, o Juízo Criminal de Nova Londrina decretou a prisão preventiva de Heberson, que deve ser submetido a júri popular. A pistola 9mm também de Heberson foi usada no assalto ao Supermercado Araras de Marilena, ele confessa o roubo. Com ele e seu comparsa “Bruno” foram presas duas motocicletas furtadas na cidade de Marilena e Nova Londrina. As duas motos foram devolvidas para seus donos.

Com diversas passagens por crimes de receptação e adulteração de sinal identificador de veículo automotor, foi preso também a pessoa de John Allan Fernandes (lado direito da foto). John Allan estava trafegando em via pública com uma motocicleta Honda CG 125 com pneu furado. Nesse momento, foi avistado pelo Delegado de Polícia da cidade, que constatou pelo sistema de informações da Polícia Civil que a placa instalada na motocicleta correspondia a uma Yamaha YBR, e não à moto que John Allan pilotava. Dada voz de abordagem e lido o número do chassis da moto, foi constatado pelo Delegado que a motocicleta foi objeto de furto na cidade de Marilena no dia 11/03/2016. John Allan foi preso em flagrante pelo crime de receptação e por ter adulterado a placa da moto, também permanecendo preso, à pedido do Delegado, por meio de mandado de prisão preventiva expedido pelo Juízo da Comarca, considerando a suspeita de participação em outros crimes contra o patrimônio. A moto já foi devolvida para seu dono.

As investigações continuam em buscas de possíveis partícipes das ações delituosas. Caso condenados, as penas podem chegar a 48 (quarenta e oito) anos de prisão.

À POPULAÇÃO: caso reconheça um dos indivíduos como autor de furtos ou roubos, favor entrar em contato com a Polícia Civil, através do chat dessa página, pelos telefones da Delegacia (44-3432-1202/1168) ou pelo telefone 181 (disk-denúncia). Seu nome e seus dados serão mantidos no mais absoluto sigilo.

Fotografias dos presos divulgadas com base no art. 5º XIV da Constituição Federal.

Fonte: Facebook Delegacia Regional de Nova Londrina

parceiros 01

Deixar Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Itens necessarios estão marcados *

*