Suspeito confessou que o grupo tinha intenção de explodir caixas eletrônicos de uma agência bancária na região. (Foto Divulgação)

Armas de fogo, munições e drogas são apreendidas pela PM em Tapira

Durante patrulhamento, na noite da quarta-feira (28), policiais militares do 7º Batalhão de Cruzeiro do Oeste tentaram abordar um veículo em atitude suspeita em Tapira. Na situação, o motorista não obedeceu às ordens policiais e seguiu sentido a Nova Olímpia. Foi feito acompanhamento tático e um dos ocupantes do automóvel teria atirado contra a equipe, conseguindo fugir da abordagem. O carro foi abandonado logo em seguida.

Foram apreendidos no interior do veículo três armas de fogo, sendo uma de calibre .38, outra de calibre .44 e uma espingarda calibre .12, além de munições, drogas e um tubo de PVC com material explosivo. Na seqüência, foram levantadas suspeitas de que as pessoas que ocupavam tal veículo fossem integrantes de uma quadrilha.

A partir daí os rastreamentos começaram a ser realizados e a polícia passou a procurar pelos ocupantes do veículo.

Aparato Policial

Uma força tarefa com cerca de 40 policiais integrantes do 7º BPM (Rotam, Serviço de Inteligência, CPU, Radiopatrulhas de Tapira, Nova Olímpia e Cidade Gaúcha), da 5ª CIA Independente de Cianorte, 3ª CIA de Loanda, Esquadrão Antibombas (EAB) e Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA) foi criada em caráter emergencial. Durante 16 horas de buscas aéreas e terrestres, um suspeito foi capturado em Cidade Gaúcha quando pedia água e um telefone emprestado a um morador.

Detido confessa

O homem de 22 anos de idade, residente em Loanda confessou que o grupo tinha intenção de explodir caixas eletrônicos de uma agência bancária na região e, dentro do tubo de PVC que havia sido encontrado no veículo na noite anterior, estavam 58 munições sendo 13 de calibre 12, 11 de calibre 762, 2 de calibre 556, 7 de calibre 357, 17 de calibre 44, 8 de calibre 38 e 1 munição de calibre 9mm, além de artefatos explosivos que foram detonados pela equipe do Esquadrão Antibombas. O envolvido foi conduzido à 19ª Delegacia de Polícia Civil de Cidade Gaúcha, onde também foram entregues todos os objetos apreendidos para providências.

Com informações de Tribuna Hoje e PM/PR

Fonte: Com informações de Tribuna Hoje e PM/PR

Deixar Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Itens necessarios estão marcados *

*